Pesquisar este blog

Carregando...

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

OSCAR 2010 - MELHOR FIGURINO

Bright-star

Numa passagem central de “A Jovem Rainha Vitória” um longo travelling mostra Emily Blunt no papel de Vitória, entrando no recinto do Conselho para a sua primeira aparição como rainha. A câmera a segue, filmando a sala por cima do ombro da monarca e caminhando em direção a um imenso espelho no fundo da sala. Quando ela para, de costas para o espelho, a câmara passa na frente dele e, mesmo assim, não a vemos. A cena pode ser vista como referência à célebre tomada em que Richard Leacock filmou John Kennedy subindo a um palco em “Primárias” (1960) – um dos documentários seminais do cinema direto. É como se o diretor Jean-Marc Vallée nos dissesse: “estamos fazendo um filme de ficção, mas a proposta aqui é apenas reproduzir o fato histórico, sem tentar qualquer interpretação sobre ele”. De fato, o parentesco cinematográfico mais íntimo de “A Jovem Rainha Vitória” é com “A Tomada do Poder por Luis XIV”, filme que Roberto Rosselini fez em 1966 e que só agora é lançado em sua versão original no Brasil (em DVD pela Versátil). A TV Cultura mostrou várias vezes uma cópia em branco e preto, por que o título foi produzido para a televisão italiana, numa época em que nem todas as emissoras transmitiam a cores. Além isso, os aparelhos coloridos de TV eram naquele tempo um luxo que só a elite podia pagar. Ao lado de “A Batalha de Culloden” (1964) do inglês Peter Watkins, “A Tomada do Poder por Luis XIV” de Rosselini foi obra fundadora do “docudrama” – uma palavra cunhada pelo próprio Watkins.
Fonte: http://programacinemafalado.blogspot.com/

 A protagonista do filme é a modelo ruiva conhecida no mundo fashion: Lily Cole. O Mundo Imaginário do Dr. ParnassusThe Young VictoriaNineCoco Chanel

Sem nenhuma novidade, foram apresentados nesta terça-feira (2), em Los Angeles, os indicados ao Oscar 2010. "Avatar", como era de se esperar, concorre nas principais categorias e deve faturar a estatueta de Melhor Filme do ano. O filme de James Cameron recebeu nove indicações, se tornando concorrente direto de “Guerra ao Terror”, que também aparece em nove categorias.
A grande novidade este ano é o número de indicados na categoria principal, de Melhor Filme: são 10 produções, ao invés e cinco. “Guerra ao Terror”, de Kathryn Bigelow, ex-esposa de James Cameron é também considerado forte concorrente, assim como “Amor Sem Escalas”, que traz George Clooney no elenco.
Na lista de Melhor Atriz, Meryl Streep, claro, ganhou um lugar por “Julie & Julia”. Mas críticos de cinema acreditam que a grande vencedora será Sandra Bullock, que já faturou o Globo de Ouro por “O Lado Cego”. Sobre a lista de Melhor Ator, a estatueta é disputada por Jeff Bridges, Morgan Freeman, George Clooney, Colin Firth e Jeremy Renner.
A atriz Anne Hathaway e Tom Sherak, presidente da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, foram os responsáveis por apresentar os indicados. A festa de entrega dos prêmios está marcada para 7 de março.

Confira a lista das principais categorias abaixo:
Melhor Filme "Avatar", de James Cameron, "O Lado Cego", de John Lee Hancock,
"Distrito 9", de Neill Blomkamp, "Educação", de Lone Scherfig, "Guerra ao Terror", de Kathryn Bigleow, "Bastardos Inglórios", de Quentin Tarantino, "Preciosa - Uma História de Esperança", de Lee Daniels, Um Homem Sério", de Ethan e Joel Coen,
"Up – Altas Aventuras", de Pete Docter e Bob Peterson, "Amor Sem Escalas", de Jason Reitman
Melhor Animação : “Coraline”, “O Fantástico Sr. Raposo”, “A Princesa e o Sapo”,
“O Segredo de Kells”, Up – Altas Aventuras”

Melhor Direção de Arte: Rick Carter, Robert Stromberg, Kim Sinclair ("Avatar"), Dave Warren, Anastasia Masaro, Caroline Smith ("O Mundo Imaginário do Dr. Parnassus"), John Myhre, Gordon Sim ("Nine"), Sarah Greenwood, Katie Spencer ("Sherlock Holmes"), Patrice Vermette, Maggie Gray ("The Young Victoria")

Melhor Fotografia: Mauro Fiore ("Avatar"), Bruno Delbonnel ("Harry Potter e o Enigma do Príncipe"), Barry Ackroyd ("Guerra ao Terror"), Robert Richardson ("Bastardos Inglórios"), Christian Berger ("A Fita Branca"),

Melhor Figurino:

Janet Patterson ("Bright Star")
(Oscar e Lucinda – 1998, Retrato de uma jovem – 1997 e O Piano – 1994)

Catherine Leterrier ("Coco Antes de Chanel")
( na lista de concorrentes do prêmio inglês BAFTA, do prêmio da Associação de Figurinistas e do César, na França)

Monique Prudhomme ("O Mundo Imaginário do Dr. Parnassus")
(Dr. Parnassus já derrotou Chèri, Nine, A jovem Victoria e Chi Bi no prêmio da imprensa (Sattelitte) distribuído em dezembro/2009), ela também assinou o figurino do filme Juno, 2006.

Colleen Atwood ("Nine")
(O figurino de Sweeney Todd concorreu ao Oscar em 2008 e em 2006, Atwood ganhou por Memórias de uma Gueixa)

 Ganhador: Sandy Powell ("The Young Victoria") (a figurinista saiu vencedora por Shakespeare in Love – 1999 e por O Aviador – 2005)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eu estou muito contente com sua participação...aprender é compartilhar o saber.

beijos jo souza

EM 2011

EM 2011