Pesquisar este blog

Carregando...

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

O filme Austrália, 2009

A parceria entre o diretor Baz Luhrmann e a figurinista Catherine Martin (Moulin Rouge, Romeu + Julieta), continua no filme AUSTRALIA, apesar do filme receber duras criticas e de não ter sido indicado ao Globo de Ouro, o destaque vai para a construção do rico figurino que é impecável. A personagem Lady Sarah Ashley, vivida pela atriz Nicole Kidman só calça modelos da casa italiana Salvatore Ferragamo.

Em comunicado à imprensa, James Ferragamo revelou que a história da marca tem uma forte ligação com figurinos cinematográficos. “Em ‘Os Bandeirantes’ (The Covered Wagon, de 1923), um dos primeiros filmes em que meu pai contribuiu com o figurino, ele criou uma bota de montaria. Essas botas foram usadas como referência quando desenvolvemos as botas de montaria para a personagem de Nicole Kidman.”

Aos olhos do espectador, o filme Austrália torna-se um desfile de moda com roupas ( Ralph Lauren, Prada e Salvatore Ferragamo )que vão desde o estilo de montaria à vestido de baile, além da dualidade complementar presente masculino( dândi clássico) e feminilidade ( vestidos leves e estampados) da personagem , um detalhe importante que chama à atenção é o guarda-roupa multicultural da personagem com referencias da: Inglaterra, China, Japão e Austrália presentes nas escolhas dos tecidos nos recortes, nas cores, nas texturas e nas silhuetas.

Enquanto, o filme Desejo e Reparação marcou o ano de 2008, com a personagem principal usando um vestido longo de cor esmeralda. O ano de 2009, o Oscar de elegância vai para o vestido longo de influência japonesa de cor rubi usado por Nicole Kidman no filme Austrália.

O desenho do vestuário é a expressão do personagem através das roupas. Tanto quanto o cenário é amplificação do personagem. Sendo um exemplo da mais sofisticada linguagem visual na tela do cinema. Na filmagem é tudo aquilo que o ator veste (além dos acessórios, maquiagem...).

Existem interações entre o conceito desenvolvido na pesquisa de um figurino que são esboçados desde o croqui, ilustração, até o protótipo em terceira dimensão do vestuário. É de suma importância a relação do ator/personagem com contato da roupa( ou acessórios) no seu corpo, para perceber o seu ritmo, procurar um equilíbrio com seu gestual, e uma melhor integração na espacialidade ( ambiência, cenário, locação). Não podemos esquecer de falar da intervenção da iluminação quer seja natural ou artificial no vestuário. Ou seja, o uso e apropriação da materialidade do figurino em contato com os elementos externos e internos ao corpo do ator. Sendo uma relação simbiótica ente a contextualização, pesquisa e toda visualidade apresentada nas imagens.

"O trabalho da figurinista foi recuperar a essência dos anos 30 e 40, mostrando a evolução da personagem com seu vestuário, que inicialmente é apresentado como um personagem nobre, mudando a sua atitude perante a vida, com a evolução do filme mudando o seu jeito de vestir e refletindo estas alterações. Catherine pesquisou em arquivos de vintage da moda australiana, mas também usou a essência da moda na Ásia." Trecho do Cajon DeSastre

CATHERINE MARTIN (Co-Produtora/Desenhista de Produção/Figurinista) é um grande talento do design da Bazmark.Inq, vencedora de dois Oscar. Sua estética rica e peculiar tem sido um ingrediente essencial dos filmes. Seus outros projetos com Luhrmann incluem a edição como convidados da primeira edição de assinatura da Vogue Austrália (janeiro de 1994).

Martin estreou como diretora com a estilista Collette Dinnigan, por ocasião de seu desfile de outono/inverno 1998, produzido pela Bazmark Live no Louvre, em Paris. Também para a Bazmark Live, Martin liderou uma equipe de design para criar a paisagem de rua num estúdio da Fox Studios Austrália, em Sydney. Em 2003, Martin fez a direção de arte de Chanel No. 5: The Film, uma campanha global estrelada por Nicole Kidman. Atualmente está trabalhando no design de uma extensa gama de impressos sobre mobília e utensílios domésticos, com foco em cama, mesa e banho para distribuição internacional em mercados varejistas. A coleção inaugural está prevista para lançamento na Austrália no início de 2008, e internacional logo em seguida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eu estou muito contente com sua participação...aprender é compartilhar o saber.

beijos jo souza

EM 2011

EM 2011